terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Bem-vindos a 2014

Algumas pessoas entrarão no Ano de 2014, sem esperança alguma, frustrados, falidos, sem expectativa de dias melhores.. Isto porque para eles, o ano de 2013 foi um ano muito difícil. Ano de perdas, de desilusões, de inúmeras derrotas. Alguns por certo culparão a  Deus, pelos seus insucessos. Ou culparão alguém. Posso afirmar que Deus é Bom e só quer o nosso bem. Se tudo deu errado em nossas vidas em 2013, provavelmente a culpa é inteiramente nossa. Não abrimos os nossos olhos para a sinalização divina e acomodados não aproveitamos as oportunidades que nos foram dadas. Por falta de fé, não lançamos o nosso pão sobre as águas, e nem plantamos no solo a semente que nos foi dada. Resultado. Nada colhemos, porque nada plantamos. Convido a estes que estão com estre sentimento, que parem um pouco e façam uma reflexão introspectiva, para com humildade reconhecer onde errou e porque errou. Assumamos nossas culpas. Assumamos nossos erros e peçamos perdão a Deus . Lancemos fora o sentimento d3e culpa, perdoando-nos mutuamente, para que o novo Ano seja cheio de surpresas agradáveis, vindas  da parte de Deus.

Temos também aquele grupo de pessoas que adentrarão o Ano de 2014, autoconfiantes, na certeza que este será o ano que mudará as suas vidas e consequentemente as suas histórias. Estes estão confiando em suas mentes, em suas habilidades e nos seus braços. Por certo terminarão o Ano frustrados, derrotados.

Mas louvado seja Deus, temos um grupo que adentrarão este novo ano, com muita fé e confiança em Deus. Este grupo crer que Deus fará maravilhas e proezas extraordinárias em suas vidas. Mas como Ministro do Evangelho de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, devo alertá-los  com relação ao futuro.

O futuro é sempre incerto, portando devemos nos preparar para ele. Devemos agir como a formiga e não como a cigarra.

Devemos ser prudente, como a serpente.  Esperar o momento certo.

Devemos ser sábios, construindo a nossa casa na rocha

Devemos ser humildes. Dependendo sempre de Jesus.

É ano de Santificação, portanto devemos ter atitudes dignas de filhos de Deus:

Tirando os deuses estranhos do nosso meio

Tirando as vaidades

Obedecendo a Deus dando a Ele os nossos corações

Deus irá sondar examinar, nos colocar em provas, simplesmente para saber o que há em nossos corações.

Deus irá evidenciar que os nossos corações ,são enganosos, soberbos altivos, egoístas, preconceituosos e avarentos.

Cuidando muito bem da nossa alma que se comunica com o mundo exterior através dos cinco sentidos.

Visão - Ver a glória de Deus, não os quintos dos infernos.

Audição – preciso ter cuidado com o que ouço. Preciso desenvolver uma audição seletiva.  Aprendendo a ouvir a voz de Deus.

Paladar – O que dá verdadeiro sabor a vida é fazer a vontade de Deus

Tato – Sensibilidade (preciso ser mais sensível as coisas do Espírito e as questões dos pobres, e necessitados.

Olfato – Exalar o bom  cheiro de Cristo. Cheiro de vida e não de morte. Evitar que as nossas atitudes cheirem mau as narinas de Deus.

Ressalto ainda a importância dos nossos pés. Para onde eles estão nos levando? Leve o seu pé no pedicuro divino. Lá a receita é:  anunciar coisas boas. Isto fará os nossos pés formosos.

Por último lembro a importância de um pequeno órgão, chamado língua, mas que tem um incrível  poder destruidor. Não podemos ser crentes que abram a boca sem ter certeza do que vão falar. Precisamos ser muito prudentes no abrir de nossa boca. Porque a morte e a vida estão no poder da língua.

Se tiveres todos estes cuidados e outros mais, eu profetizo em nome de Jesus, que o seu Ano de 2014, será de bênçãos incontáveis. Os seus celeiros transbordarão – Tudo o que fizeres prosperará e tudo o que tocar abençoado será.

 

Feliz Ano Novo a todos são os meus sinceros votos

Rio 31 de dezembro de 2013


Pastor José Mário da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário